CLICK HERE FOR FREE BLOGGER TEMPLATES, LINK BUTTONS AND MORE! »


.

EDUCAÇÃO INFANTIL E EDUCAÇÃO CRISTÃ PARA CRIANÇAS



Você é muito importante!

                             

Participe do Blog Com a Gente

quarta-feira, 12 de agosto de 2015

Tia, Eu Tenho Medo de Jesus

Texto de Euriano Sales, retirado do site MVC

"Uma vez minha esposa estava ensinando na sala infantil de nossa igreja, quando uma criança disse à ela que tinha medo de Jesus. Esse medo tinha uma explicação, pois a mesma havia visto um ensaio de uma peça sobre a Páscoa e estava assustada com as marcas do sofrimento de Cristo.

Assim como aquela criança, existem várias outras pessoas – de diferentes idades – que têm medo de Jesus. Muitos têm medo que ele volte e que não estejam preparados para subir aos céus; têm medo de serem castigados pelos seus erros; têm medo de se aproximarem dEle e deixar tudo o que gostam de lado.

Isso acontece porque existe uma forma de se pregar o evangelho que espanta, é o evangelho do medo, no qual, por qualquer motivo, você pode perder sua salvação e ir para o fogo do inferno.

Esse evangelho escraviza as pessoas e não as deixam sentir o gostinho do amor de Deus, pois estão sempre preocupadas em seguir regras e costumes para não serem castigadas pelo Criador.

O medo do inferno é muito maior que o desejo de ir para o céu. Devido a isso, o medo de Jesus aumenta, pois nunca se sentem preparadas, porque não conseguem enxergar a salvação que lhes foi garantida.

O apóstolo Paulo nos fala em 1 Coríntios, capítulo 2, sobre as coisas que Deus tem nos dado gratuitamente, mas infelizmente muitas pessoas não entendem, pois só é possível entender através do Espírito Santo. Quando leio Paulo citando as sagradas escrituras e afirmando no versículo 9 – “Nem olhos viram, nem ouvidos ouviram, nem jamais penetrou em coração humano o que Deus tem preparado para aqueles que o amam” – eu entendo que uma parte do povo cristão vive uma pseudo-conversão (convertidos à religião), ou vive como o povo de Corinto, citado por Paulo no capítulo 3 – sem maturidade, acostumados com leite e não conseguem se alimentar de uma comida mais forte.

Quando aceitamos Cristo como Senhor e Salvador, é dado a nós o intérprete da palavra de Deus, recebemos instantaneamente o Espírito Santo em nossas vidas e é o Espírito que nos ajuda a compreender o que vem de Deus quando estudamos a Sua palavra.

Os convertidos à religião, ou os bebês na fé não compreendem, pois vivem à mercê de um sacerdote para interpretar o que a Bíblia diz, e é dessa forma que surgem os absurdos da religião.

O cristão não pode ter medo do mundo, não pode viver em uma bolha, em um mundo particular onde só pode ter amizades com crentes, ouvir música de crente e achar que só porque é feito por crente vale. Quando Cristo orou por nós, foi muito direto ao dizer: “Não rogo que os tires do mundo, mas que os protejas do Maligno.” Jo 17:15

A igreja de Jesus não pode viver em uma bolha consumindo um produto chamado religião, deixando de cumprir o verdadeiro chamado ao qual fomos vocacionados. Precisamos salgar a terra, ter contato com a carne insossa, ser luz que está acima da mesa. Devemos proclamar Jesus tocando nas pessoas, amando e abraçando. Precisamos avançar sobre o inferno ao ponto das suas portas não prevalecerem e escancararem para a nossa entrada. (Mt 16:18)

Não seremos identificados como santos pelo o que vestimos, comemos ou bebemos, mas pela nossa forma de amar, pela nossa coragem e fé ao enfrentar as dificuldades, por nossa influência sobre o mundo, por nossa capacidade de perdoar a quem nos ofendeu e por nossa sensibilidade ao sentir a dor do outro, é assim que eu acredito, e agindo assim conseguiremos deixar de lado o medo de Jesus e sentir a alegria de estar com Ele e representá-lo."

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante para o Blog!