CLICK HERE FOR FREE BLOGGER TEMPLATES, LINK BUTTONS AND MORE! »


.

EDUCAÇÃO INFANTIL E EDUCAÇÃO CRISTÃ PARA CRIANÇAS



Você é muito importante!

                             

Participe do Blog Com a Gente

domingo, 5 de maio de 2013

Palitoches - A Raposa e a Cegonha

Olá!
Geralmente na escola trabalhamos com uma determinada estória durante toda a semana, para que a criança a conheça bem. Na passada contamos a fábula da Raposa e a Cegonha. Para ajudar na contação fiz esses palitoches (que também podem ser dedoches); as crianças amaram.
Achei os modelos na rede, porém dei o meu retoque e coloquei algumas coisas a mais.
Trouxe também a estória e algumas curiosidades sobre o autor.







A Raposa e a Cegonha
Fábula de La Fontaine

A Raposa convidou a Cegonha para jantar e lhe serviu sopa em um prato raso.
-Você não está gostando de minha sopa? - Perguntou, enquanto a cegonha bicava o líquido sem sucesso.
- Como posso gostar? - A Cegonha respondeu, vendo a Raposa lamber a sopa que lhe pareceu deliciosa.
Dias depois foi a vez da cegonha convidar a Raposa para comer na beira da Lagoa, serviu então a sopa num jarro largo embaixo e estreito em cima.
- Hummmm, deliciosa! - Exclamou a Cegonha, enfiando o comprido bico pelo gargalo - Você não acha?
A Raposa não achava nada nem podia achar, pois seu focinho não passava pelo gargalo estreito do jarro. Tentou mais uma ou duas vezes e se despediu de mau humor, achando que por algum motivo aquilo não era nada engraçado.

MORAL: as vezes recebemos na mesma moeda por tudo aquilo que fazemos.




BIOGRAFIA - Jean de La Fontaine

Jean de La Fontaine (8 de Julho de 1621 - 13 de Abril de 1695, Paris) foi um poeta e fabulista francês que estudou Teologia e Direito e que acabou por assumir o trabalho paterno como inspetor de águas e florestas.
Conheceu vários poetas e literatos: Racine, Molière, Boileau...

É um típico escritor classicista, que é o núcleo da poesia lírica. No classicismo os gêneros poéticos mais usados são o satírico e o didático, e em ambos Jean de La Fontaine é bastante reconhecido.

Os temas das Fábulas que escreveu não são novos, mas embora herdados da tradição popular, deu-lhes um novo formato, que formam, em palavras da sua autoria.



FONTE: Pensador UOL

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante para o Blog!